My Image

Postado por Marcos Riffel 30/03/18

Olá piloto virtual! Nesse artigo, vamos explicar como fazer setup nos simuladores de corrida. Através de um guia de setups, vamos te ensinar a acertar o carro nos jogos de corrida. Este artigo irá ajudá-lo de uma forma geral, onde explicaremos conceitos que são comuns aos simuladores em geral. Ajustes específicos você encontra em nosso curso, onde explicamos peculiaridades de cada carro, além de disponibilizar tutoriais de pistas, telemetrias e setups prontos para você.


Principal de tudo: O acerto do carro não fará milagre. Geralmente, ele não é 100% responsável por uma diferença de mais de 1 segundo. Outros fatores podem estar inclusos e o principal deles é a pilotagem. Se você está mais lento que um piloto que é mais lento que você em outro carro ou outro simulador, outras situações devem ser analisadas: Se o problema é em um carro específico, a pilotagem de seu rival pode estar bem aprimorada para o carro, já conhecendo seus limites. Isso o permite fazer correções mais sutís no carro, lhe permitindo utilizar um setup mais agressivo. Configurações do próprio jogo podem estar influenciando também, como rotação de volante, bloqueio de direção, force feedback e até mesmo sensibilidades de eixo, em casos mais refinados. Além de tudo, se seu computador costuma lhe sabotar, considere quedas de FPS ou um jogo pouco fluído também um problema. E por fim, seu volante. Volantes com mais recursos de FFB, sensibilidade de pedal podem sim dar uma pequena diferença. Nada que supere dois décimos, mas se somado aos problemas citados anteriormente, podem ultrapassar um segundo.

Antes de tudo, vão aqui algumas dicas que irão facilitar o desenvolvimento do seu setup, economizando seu precioso tempo.

Faça seu setup com alguma estratégia em mente. Ao montar seu setup, você deve ao menos pensar em uma ordem de ajustes. Existe uma fase que considero “pré-ajustes” que são correções básicas em erros brutais no setup e depois a fase real de edições, onde daremos uma direção para o que faremos e por fim, um ajuste refinado, buscando por detalhes. Estratégia quer dizer, seguir um procedimento, se você vai alterar um pouco cada valor, ou se vai focar em algumas partes específicas do carro e depois partir para a próxima. Lembre-se que os parâmetros do carro são relacionados, então se você conseguir chegar próximo do ponto ideal em determinado setor do carro, pode ser que quando comece a mexer em outra parte, acabe desconfigurando o que fez antes, tendo que re-ajustar para as novas características. Geralmente, existem algumas estratégias básicas.

Corrida/Classificação: Essa é a mais básica e mais praticada. O ideal é sempre fazer (quando possível), um setup para a classificação e outro para a corrida. Isso porque existe uma série de fatores que podem dar ao carro o máximo desempenho em algumas voltas, perdendo esse ritmo depois, enquanto um acerto para a corrida buscará a máxima consistência, sem trazer grandes quedas de desempenho ou sustos ao piloto. Porém, isso exigirá o dobro de tempo, pois você terá de fazer dois ajustes diferentes. Pode ser que em muitas coisas sejam parecidos, mas seu setup de pneus por exemplo, pode ser bem diferente no que diz respeito a pressão de pneu e isso por si só, pode alterar todo o comportamento do carro. Seu setup de barras-estabilizadoras também pode ser diferente, conforme o comportamento do carro com tanque vazio e cheio e a parte do carro que recebe esse peso, alterando o balanço do carro.